segunda-feira, 27 de agosto de 2012

Canta Meu Povo - Tributo a Jair Pires - Vários cantores

Nas minhas pesquisas pelo youtube, me deparei com esse lindo hino antigo, cantado por varios cantores Gospel, em uma homenagem ao grande cantor JAIR PIRES, ficou muito bom na voz desses cantores abençoados por DEUS.

terça-feira, 14 de agosto de 2012

O Poder da renúncia (parte I)

 Estes dias tenho aprendido que somente um coração completamente despojado de suas próprias vontades, vazio de si mesmo e humilde pode realmente viver em perfeita amizade com Deus.

Aprendemos que devemos nos esvaziar de nós mesmos, ter a nossa carne crucificada juntamente com Cristo, dependermos somente do Senhor... mas, a verdade é que muitas vezes isso não tem passado de teoria em nossas vidas. Trabalhamos muito, corremos de um lado para o outro, enfrentamos a pressão do dia a dia, lutamos por nossos sonhos, estudamos em busca de uma melhor formação, estabelecemos prioridades em nossas vidas que muitas vezes não são as prioridades de Deus para nós.

Não é ilegítimo ter sonhos, desejar algo ou lutar por isso, não! O que quero dizer é que poucas vezes paramos a nossa rotina pra ouvir a voz de Deus nos dizendo, muitas vezes, que esse não é o caminho. O caminho da satisfação humana nos leva a um caminho de afastamento de Deus.

Oswald Chambers disse que “Quanto mais você se realizar, menos buscará a Deus”.

Essa, com certeza, não é uma mensagem que costumamos ou gostamos de ouvir. Mas é a realidade dura de que muitos de nós precisávamos ou precisamos saber!

A renúncia é um processo que envolve libertação, entrega, resignação, rendição, concessão e entrega total de algo. Não é um processo fácil! É diário, permanente e, por vezes, doloroso. Mas é o único caminho que realmente nos faz experimentar a plenitude de Deus, é o estreito caminho para o esconderijo do Altíssimo. É a íngreme montanha que nos leva à intimidade com o Senhor.

“E ele morreu por todos, para que os que vivem não vivam mais para si mesmos, mas para aquele que por eles morreu e ressuscitou” 2 Co 5:15.

“... e Deus escolheu as coisas humildes do mundo, e as desprezadas, e aquelas que não são, para reduzir a nada as que são, a fim de que ninguém se vanglorie na presença de Deus”. 1 Co 1:28-29.

Se desejamos viver a vida de Deus, ser usados poderosamente para abençoar outros, ter um ministério cheio da glória do Senhor, devemos entender algo: precisamos morrer para nós mesmos, abrir mão de tudo aquilo que nos afaste ou ao menos não nos deixe crescer em Deus.

Se você foi chamado por Deus prepare-se para um longo período de ter que abrir mão de muitas coisas (inclusive de muitos de seus sonhos legítimos), passar por durar provas de fé e, enfim, reconhecer que você não é NADA sem o doce amor e a misericórdia de Deus. Prepare-se para a interrupção de muitos de seus planos para o futuro, conte a com a intervenção, nem sempre desejada, de Deus em sua vida. E, enfim, quando você perceber que necessita somente da presença do Amado, que os seus desejos, que estão fora dos planos de Deus, não lhe servem mais e você se sentir completamente imerecedor dessa graça e perdido sem a direção de Deus: você estará pronto!


Deus abençoe 

 Autores
 Fred Arrais / Flávia Arrais
http://www.fredarrais.com.br
contato@fredarrais.com.br







Seja Cheio do Espirito Santo

Para muitos, ser cheio do Espírito Santo é um assunto vago e místico. Não há uma ideia clara e definida na mente das pessoas em relação a isso, além do fato de haver muitos ensinamentos errados sobre esse ministério do Espírito. Não admira que os cristãos sejam confusos quanto a esse assunto.
Em primeiro lugar, ser cheio do Espírito deve ser diferente de Seus outros ministérios:
A habitação. Isso significa que a Terceira Pessoa da Trindade mora, literalmente, no corpo de cada crente. Nosso corpo é o templo do Espírito.
O batismo. O batismo é o ministério do Espírito que coloca uma pessoa no corpo de Cristo no momento em que ela crê. A partir de então, ela se torna membro da Igreja Universal.
O selo. Um selo é uma marca de posse e segurança. Deus Espírito marca o crente como sinal de que pertence ao Senhor e está seguro por Ele.
O penhor. Isso significa um sinal ou garantia. Alguns o comparam com a aliança de noivado. Tão certo como a pessoa possui o Espírito, ela também receberá, um dia, a herança por completo.
A unção. No Antigo Testamento, reis e sacerdotes eram ungidos com óleo em um rito inaugural. Da mesma forma, o Espírito nos unge como sacerdotes reais. A unção possui um significado adicional em 1 João 2.27. O ministério de ensino do Espírito nos permite distinguir a verdade do erro.
Todos esses ministérios do Espírito acontecem no momento em que uma pessoa é salva. Eles são automáticos. Não exigem qualquer cooperação por parte do novo crente. Não há condições a serem satisfeitas. São experiências definitivas.
Ser cheio do Espírito é diferente. Na verdade, no Novo Testamento, há duas formas de sermos cheios.
Primeiro, um crente pode ser cheio do Espírito soberanamente para alguma obra especial. Assim, lemos que João Batista foi cheio do Espírito Santo no ventre de sua mãe (Lc 1.15b). Dessa maneira, Deus o preparou para ser o precursor do Messias. É possível que essa palavra tenha sido usada nesse sentido na maioria das ocorrências no livro de Atos. Foi assim que os discípulos foram cheios do Espírito Santo como preparação para a vinda dEle no Pentecoste (At 2.4). Pedro foi cheio do Espírito, pois precisava ser equipado a fim de ser convincente na transmissão da mensagem às autoridades e aos cidadãos comuns (At 4.8). Pedro e João foram cheios a fim de proclamar a Palavra de Deus com intrepidez (At 4.31). Saulo foi cheio do Espírito para pregar de Cristo em Damasco (At 9.17,22). Depois, ele foi novamente cheio para denunciar Elimas, o mágico (At 13.9). Pelo menos algumas dessas ocasiões em que as pessoas foram cheias do Espírito foram temporárias e não houve exigências a serem satisfeitas para que isso ocorresse.
Segundo, há uma forma de sermos cheios do Espírito para a qual há condições. É isso que encontramos em Efésios 5.18. Não é algo pelo qual você ora, mas uma ordem à qual obedece. É claro na língua original do Novo Testamento que o significado desse versículo é: “Sejais continuamente cheios”. Trata-se de um processo contínuo, não de uma realização. Não é uma experiência emocional, mas uma vida de santidade constante.
Paulo escreveu: “E não vos embriagueis com vinho, no qual há dissolução, mas enchei-vos do Espírito”. Por que ele mencionou algo tão ruim quanto a embriaguez juntamente com o nosso dever de sermos cheios do Espírito? Provavelmente porque há algumas semelhanças e diferenças evidentes entre as duas coisas. Primeiro, as semelhanças. Em ambos os casos, a pessoa está sob um controle externo. Na embriaguez, ela está sob o controle da bebida alcoólica chamada, às vezes, de “espíritos”. Ser cheio do Espírito significa que ela está sob o controle do Espírito Santo. Em ambos os casos, é possível saber quem a controla pela forma como anda: o bêbado cambaleia a esmo; a pessoa cheia do Espírito anda separada do pecado e do mundo. Em ambos os casos, é possível saber quem a controla pelo modo como fala: a fala do alcoólatra é enrolada e profana; a fala do crente é edificante e exalta a Cristo.
Também há duas diferenças. Quando se está embriagado, há perda do autocontrole; quando se está cheio do Espírito, não há perda do autocontrole. Quando se está embriagado, há uma menor resistência ao pecado; quando se está cheio do Espírito, a resistência é maior.
Lembrei-me das palavras perspicazes de James Stewart: “Se é pecado embriagar-se com vinho, é um pecado ainda maior não ser cheio do Espírito”.
Conforme mencionado, ser cheio do Espírito é a vida de santidade. Você a encontra sob diferentes aspectos nestas passagens:
  • É o caráter de um cidadão do reino (Mt 5.1-16);
  • É a vida permanente (Jo 15.1-17);
  • É a vida de amor (1 Co 13);
  • É a armadura do cristão (Ef 6.10-20);
  • É a vida do caráter cristão (2 Pe 1.5-11).
A seguir, algumas coisas essenciais a fazer para ser cheio do Espírito:
  • Confesse e abandone o pecado assim que tomar consciência dele (1 Jo 1.9; Pv 28.13);
  • Submeta-se ao controle do Senhor em todos os momentos (Rm 12.1-2);
  • Encha-se com a Palavra de Deus (Jo 17.17). Você não pode ser cheio do Espírito a menos que a Palavra de Cristo habite em você ricamente (Cl 3.16);
  • Passe bastante tempo em oração e adoração (Rm 8.26; 2 Co 3.18);
  • Mantenha-se perto da comunhão cristã, evitando envolver-se com questões do mundo (Hb 10.25; 2 Tm 2.4);
  • Ocupe-se para o Senhor (Ec 9.10);
  • Diga um sonoro “não” para os apetites ilícitos da carne (1 Co 9.27). Responda à tentação pecaminosa como um morto responderia (Rm 6.11). No momento de forte tentação, clame ao Senhor (Pv 18.10). Tome medidas rigorosas para evitar qualquer pecado (Mt 18.8). Fuja, não caia (2 Tm 2.22). Aquele que luta e foge sobrevive para lutar mais um dia.
  • Controle seus pensamentos (Pv 23.7; Fp 4.8);
  • Seja Cristocêntrico, não egocêntrico (Jo 16.14).
Agora faça o que tem de fazer, crendo que o Espírito está no controle.
Como é ser cheio do Espírito? A maior parte da vida provavelmente continuará sendo o habitual trabalho duro, rotineiro e secular. Às vezes, haverá picos. Porém, você perceberá que os mecanismos da vida se encaixam, que acontecem coisas incomuns. Você terá consciência de que o Senhor está operando em você e por seu intermédio. Sua vida reluzirá com o sobrenatural e, quando você tocar outras vidas, algo acontecerá para Deus.
Além disso, haverá poder (Lc 24.49; At 1.8), intrepidez (At 4.13,29,31), alegria (At 13.52), louvor (Lc 1.67-75; Ef 5.19-20) e submissão (Ef 5.21).
Um último aviso. A pessoa que é cheia do Espírito nunca diz que é. O ministério do Espírito é exaltar Cristo, não o crente. Vangloriar-se como se o tivesse alcançado é orgulho. 

Autor (William MacDonald -
Fonte: Portal Links de Jesus

terça-feira, 7 de agosto de 2012

A Liga - Jesus Cristo Homem


 A Band em seu programa A Liga do dia 22/11/2011 fez uma reportagem sobre o movimento religioso chamado "Jesus Cristo Homem". O fundador chama-se José Luis de Jesus Miranda. Nasceu em Porto Rico, mas desenvolveu suas atividades em Miami dizendo-se "Jesus Cristo homem". Hoje já existe 330 igrejas espalhadas pelo mundo e mais de 1 milhão de fiéis. Também afirma ser mais poderoso que Jesus Cristo e que recebeu a visita de dois anjos em 1973 que disseram que ele era Jesus homem. A partir daquele momento, ele relata, recebeu uma sabedoria diferenciada.

Alguns ocmentários do youtube


  • Esta se cumprindo tudo que esta na biblia nao se apavorem verdadeiros cristaos que conhece a voz do PAI conto os chamam.Em Matheus cap. 24 e versic.4 ate o 32mostra as profecias de Jesus dizendo aos dicipulos o que iria se suceder ao longo dos tempos,mas ainda nao eo fim q nos verdadeiros cristaos estamos esperando, ha muito ainda para se cumprir .Esta escrito que eles seriam enganados e teriam a marca da besta .Deus nao usa simbologia,simpatia ,numerologia o que for devemos ler mais a palavra
    • meu Deus!!!!! como está escrito, "o Deus deste século tem cegado os intendimentos dos homens". acordem gente o veradeiro Jesus disse: "muitos virão em meu nome dizendo ser o Cristo, e enganarão a muitos". ACORDEM!!!!!!!!!!!!!!!!!!
      • ESTE HOMEM É UM FALSO PROFETA ABRAM OS OLHOS PQ JESUS CRISTO VIRA NAS NUVENS COM PODER E GRANDE GLORIA E TODO O OLHO O VERÁ,MAS ANTES ACONTECERÁ O ARREBATAMENTO SECRETO,E JESUS DESCERÁ NAS NUVENS COM PODER E GRANDE GLÓRIA,SE DESPERTEM NÃO CAIAM NA CONVERSA DESTE HOMEM PORQUE JESUS JA VEIO E VIRÁ AINDA OUTRA VEZ.VIGIEM SATANÁS ESTÁ ENGANANDO A MUITOS PORQUE ELE NÃO QUER IR PARA O INFERNO SOZINHO,E ELE TEM LEVADO A MUITOS COM ELE,MAS JESUS ESTA TE ALERTANDO ACERCA DESTE FALSO PROFETA.JESUS TE AMA.

quarta-feira, 1 de agosto de 2012

Mulher anuncia, em carta, que vai morrer em nome de Jesus Cristo à mãe

Valdete Ferreira da Silva recebeu nas últimas horas, a carta postada pela filha no dia 22 de julho, em Andrelândia (MG). A filha de dona Valdete, Valéria Cristina de Souza, 38 anos, foi levada pelos líderes da seita “Jesus a Verdade que Marca”, investigada pela polícia sob suspeita de manipular fiéis, em Minas Gerais. 
 Além da perda da filha para o movimento, dona Valdete sofre por mais oito familiares, que também estão nas fazendas da seita no sul de Minas Gerais. “Não suporto mais essa situação. Não é possível que nenhuma autoridade assista a tudo o que está acontecendo sem fazer nada”, reclamou. 
 O trecho da carta que mais preocupa dona Valdete é onde a filha afirma: “eu quero e vou, em nome de Jesus, morrer com Cristo, pois Jesus pagou um preço muito caro pela minha vida e pela sua também”. Outro ponto que chama a atenção é quando Valéria diz: “Jesus diz que os seus caminhos não são os caminhos de Deus e seus pensamentos, não são os pensamentos de Deus”. 
 Um teólogo, que não quis ser identificado, analisou a carta de Valéria e alertou para risco de tragédia. Segundo ele, quando Valéria afirma que vai morrer em nome de Cristo, pode sinalizar que a seita siga essa linha de raciocínio. Segundo o estudioso, é necessário que as autoridades tomem providências rápidas. O pesquisador acredita que as doutrinas pregadas pelo suposto pastor Cícero Vicente Araújo  líder da seita  fogem do contexto bíblico e social e, por isso, devem ser investigadas. 
 Os nove familiares de dona Valdete deixaram Rio Preto em novembro de 2005, seguindo orientações de Cícero 
 Viviane Chaves 
Fonte: ELNet

SEJAM BEM VINDOS

Estatisticas